segunda-feira, 25 de junho de 2007

Como ser comprado pelo Google


Bem me quer ou Mal me quer?

Hoje em dia, muitos jovens empreendedores do ramo da tecnologia são desesperados para conseguir vender seus negócios para as gigantes da informática como Google, Microsoft, Yahoo! e etc. Mas Wayne Crosby e Robby Walker, criadores do Zenter conseguiram em apenas seis meses.

Há algumas semanas atrás o site Zenter.com, que é uma espécie de versão online do Microsoft Power Point, foi comprado pelo Google com apenas 6 meses de existência. Seus proprietários, Crosby e Walker, dão algumas dicas de como ser comprado por um gigante da informática.

Primeiro vamos conhecer um pouco da história. Pouco mais de seis meses atrás, Crosby deixou sua mulher grávida em casa e saiu com Walker para buscarem seus sonhos. Alugaram um pequeno apartamento e começaram a escrever milhares de linhas de código, dia e noite. Antes mesmo da finalização completa do projeto, que ainda estava em sua fase beta, o Google o comprou.

Abaixo segue algumas dicas dadas ao blog The Startup Game criadores do Zenter:

Não tenha em mente ser comprado: Isso é como uma mulher solteira que busca desesperadamente um casamento. Naturalmente você quer isso, mas se 99% do tempo você propositalmente tentar vender seu negócio, você não vai conseguir. Uma maneira de seu produto ser adquirido rapidamente é não focar-se apenas na venda pois se as pessoas tem a impressão que sua intenção é apenas esse, você não irá conseguir.

Focar no usuário: Esse é possivelmente a idéia mais importante que o empreendedor deve ter em mente. Cada projeto que falha, se deve grandemente a este fato. Muitos projetos focalizam em seus concorrentes ou grandes empresas, mais o que realmente “mata” um projeto é se os usuários o acham entediante. É uma razão muito perigosa, pois se os usuários não se importam com seu produto isso fatalmente levará sua empresa à falência.

Ignorar limitações leva a enxergar problemas por um ângulo diferente: Os criadores do Zenter precisavam criar um produto que já existia offline (Microsoft Power Point) e o transformar num produto online. Precisavam criar um aplicativo de slides que realmente tirasse vantagem da internet, como adicionar comunidades de slideshows, envio de apresentações online em tempo real e carregar conteúdos da net para as apresentações. “Cada sistema e cada plataforma possui limitações. Alguma pessoas olham para o problema e dizem não ser possível realizar. O que nós fizemos foi observar o que queríamos que acontecesse e então encontramos uma maneira além das limitações”, diz Crosby.

Não tenha medo de enfrentar os gigantes: Grandes companhias como Microsoft e Yahoo! possuem maiores recursos financeiros e pessoal especializado, mas eles têm uma desvantagem. Eles não tem a disposição de fazer sacrifício como os dois rapazes que se distanciaram da família fizeram para criar um produto realmente bom. Por exemplo, o Google comprou o YouTube pois era superior que o próprio Google Video. E-Bay comprou o PayPal pois claramente ninguém gostava de seu sistema de pagamento. Grandes companhias também possuem restrições que os pequenos ainda não tem. “A Microsoft tem que basear suas aplicações para que não ameacem o Windows. Uma empresa como o Zender não precisa se preocupar com o Windows, o que eles querem é fazer o melhor aplicativo.”

Atenção aos detalhes: Quando seu produto está 80% finalizado, quer dizer que ainda faltam outros 80% para terminar. “Para criar algo bonito é fácil, mas você precisa se concentrar nas pequenas coisas. Isso será seu diferencial entre os concorrentes” diz Crosby. “Você pode ter o melhor algoritmo do mundo e o processo mais rápido, porém se no fim do dia o usuário não consegue clicar numa caixa de mensagem ou deletar algo, então você não terá sucesso.”

Tenha uma família compreensiva: A esposa de Crosby estava grávida de quatro meses quando ele a deixou para dar inicio a seu projeto. “Ela foi extremamente paciente durante todo o processo, mostrando que ela acreditava em mim e em Walker. Isso fez com que eu me trabalhasse ainda mais.”

Até a próxima.




2 comentários:

W Brown disse...

Persistência e correr atrás de sonhos, quase todos os novos mercados e serviços da internet tem esses dois pilares no seu inicio. Pelo menos todos que dão lucro...

Cordeiro Mau disse...

É verdade, o segredo é nunca desistir. Muitos passam vários anos sem ganhar nada, mas quando começa não para mais.